Home / Barueri / Agressor que dilacerou a companheira é capturado pela Delegacia de Defesa da Mulher de Barueri

Agressor que dilacerou a companheira é capturado pela Delegacia de Defesa da Mulher de Barueri

fachada da delegacia de defesa da mulher de barueri, com uma viatura da polícia civil e outra da guarda civil estacionadas em frenteEm novembro de 2017, T.R.O. procurou a polícia para denunciar uma agressão sofrida dentro de casa. A jovem, na época com 27 anos, foi vítima de violência doméstica e teve o nariz e uma das orelhas arrancados a mordidas por seu parceiro. Desde então, a vítima é assistida pelo programa Guardiã Maria da Penha, da Guarda Civil Municipal de Barueri (GCMB) e recebeu atendimento e apoio integral pela Secretaria da Mulher.

Equipes de patrulhamento da GCMB e demais órgãos de segurança pública da cidade se empenharam em encontrar e capturar o agressor e obtiveram sucesso na tarde de segunda-feira (dia 27).

Após uma denúncia anônima que revelava o paradeiro do foragido, uma equipe de investigação da Delegacia de Defesa da Mulher de Barueri (DDM) se deslocou até o município de Pirapora do Bom Jesus e encontrou o agressor transitando em via pública.

O foragido da Justiça R.W.Z., que já possui uma extensa ficha criminal, foi capturado e direcionado à DDM de Barueri, onde recebeu voz de prisão.

Alerta

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a taxa de feminicídio no Brasil é a quinta maior do mundo e o número de assassinatos no país chega a 4,8 para cada 100 mil mulheres. O número se torna ainda maior quando o assunto é agressão. O Instituto Maria da Penha aponta que a cada 22 segundos, uma mulher se tora vítima de espancamento.

Sobre rodrigo

Leia também

Peugeot 208 Maxi Rally passando por pista enlameada

Após andar entre os ponteiros, equipe de Alphaville fecha Rally Rio Negrinho em quarto

A 4ª prova do Brasileiro de Rally de Velocidade foi disputada no sábado, em Santa …