Home / Barueri / HMB incentiva campanha inspirada no Dia Mundial de Doação de Leite Humano

HMB incentiva campanha inspirada no Dia Mundial de Doação de Leite Humano

“Cada gota importa” é o slogan que o Banco de Leite Humano do Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran (HMB) comemora no Dia Mundial de Doação de Leite Humano, celebrado em 19 de maio. O intuito é mostrar a importância da campanha, pois para muitos recém-nascidos prematuros ou de baixo peso da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal ou do berçário, que por algum motivo não podem ser amamentados pela própria mãe, o leite humano doado representa sobrevivência. O HMB incentiva a doação durante todo o ano.

O Banco de Leite Humano do HMB tem a capacidade para armazenar 120 litros de leite. “Eu sei o quanto a minha filha está sendo beneficiada. Ela nasceu em 10 de março deste ano com apenas 24 semanas de gestação, que correspondem a cinco meses e meio, e como eu ainda não produzia leite, o Banco de Leite Humano a manteve viva. Sou muito grata”, conta a moradora do Jardim Tupanci, Ana Maria Tono Mochi Cavalaro, mãe de Bella, uma recém-nascida prematura que está internada na UTI neonatal do HMB. A pequenina nasceu com 690 gramas e após dois meses de internação já está com 1 quilo e 220 gramas.

Ao acompanhar os cuidados com a filha, Ana Maria tem consciência sobre a importância de também ser uma doadora. “Na época que nasceu, a Bella não teve a oportunidade de tomar meu leite, mas depois que meu corpo começou a produzir, passei a doar para ajudar outros bebês. Acho que é um ato de amor, não posso pensar só em mim, há muitas mães e bebês precisando desse apoio”, concluiu.

Quem pode doar

Toda mulher que amamenta pode ser doadora de leite humano e em qualquer quantidade. Até dez recém-nascidos são beneficiados com 1 litro de leite. Alguns chegam a tomar oito vezes por dia apenas 1ml a cada mamada. Essa quantidade varia de acordo com a prescrição do médico neonatal, aumentando progressivamente. Ao ser amamentado, o bebê tem melhores chances de recuperação e fica protegido de alergias, diarreia e infecções.

Doação

Para que o leite humano doado chegue até um dos bebês internados, a doadora precisar fazer um cadastro e passar por exames considerados de rotina na gestação. Após a avaliação médica, a equipe do Banco de Leite fica responsável em esclarecer todas as dúvidas que surgirem, além de explicar os benefícios da amamentação, o procedimento de extração do leite e o armazenamento adequado, os cuidados pessoais antes do início da coleta, entre outros.

“Se está sobrando leite, orientamos que quem puder doar, doe para ajudar nossos bebês internados. Para incentivar e facilitar a doação de leite humano, o HMB disponibiliza duas vezes por semana um veículo para ir até as casas das doadoras com o intuito de retirar os frascos com o leite e entregar novos frascos”, explica a nutricionista do setor, Bianca Umbelino. Ela aproveita para alertar sobre um agravante: o período das férias, pois o número de doadoras diminui e os bebês internados continuam necessitando de leite para viver.

O leite doado é armazenado em baixa temperatura, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser distribuído, pois é passado por exame laboratorial que identifica se está adequado. Depois do diagnóstico sorológico é que ofertado aos bebês sob prescrição médica.

Vale lembrar que todo o material entregue pelo Banco de Leite às mães doadoras, desde o frasco de vidro esterilizado e com tampa plástica para o armazenamento do leite humano até as gazes para higienização das mamas, são gratuitos.

Para atrair mais doadoras, o Ministério da Saúde também lançou este ano a Campanha Nacional de Doação de Leite Humano sob o slogan “Um pequeno gesto pode alimentar um grande sonho. Doe leite materno”.

Em Barueri, quem puder ser uma doadora, basta entrar em contato diretamente com o Banco de Leite Humano do HMB pelo telefone (11) 2575-3269 ou por e-mail blhbarueri@hmb.spdm.org.br.

Sobre Redação

Leia também

Já atualizou a vacina do seu pet?

A Prefeitura de Barueri mantém um posto fixo de vacinação contra a raiva em cães …