Home / Barueri / Ipresb informa as novas alíquotas de contribuição de servidores municipais

Ipresb informa as novas alíquotas de contribuição de servidores municipais

Cumprindo o que determina a Legislação Federal, novas alíquotas de contribuição progressiva previdenciária serão adotadas para os servidores públicos regidos pelo Ipresb (Instituto de Previdência Social de Barueri) e entrarão em vigor num prazo de três meses. 

Ainda que o Ipresb seja o maior instituto de previdência do Estado de São Paulo, possuidor de um patrimônio próximo dos R$ 3 bilhões e tenha um superávit no montante de arrecadação mensal (cerca de R$ 22 milhões) em relação aos benefícios pagos (R$ 16 milhões), a avaliação atuarial aponta déficit. 

A avaliação atuarial é um estudo técnico feito anualmente por exigência da Secretaria de Previdência do Ministério da Previdência Social. São levados em conta o valor patrimonial atual e a expectativa de gastos com pagamentos de benefícios nos próximos 75 anos. 

“Foi detectado que seria necessário mais que os R$ 3 Bilhões do patrimônio do Instituto para pagar os benefícios nos próximos 75 anos. Essa situação é denominada déficit atuarial, que será financiado em 35 anos por meio de contribuição suplementar patronal. O déficit é uma característica dos Institutos de Previdência, existem mais de 2000 no Brasil, 99 % são deficitários”, revela Marcelo Larangeira, gestor de benefícios do Ipresb. 

Para cobrir esse déficit, faz-se necessário um aumento nas contribuições nas faixas salariais mais altas. Há três tipos de alíquotas: do servidor (proporcional ao salário), patronal (18,99%) e suplementar (variável e também coberta pelo empregador). 

A partir de novembro deste ano, portanto, todos os servidores ativos, aposentados e pensionistas que recebem mais de R$ 7.507,49 (teto do INSS-Instituto Nacional do Seguro Social), terão uma majoração em suas contribuições conforme tabela abaixo: 

 Faixa salarial 

Acréscimo 

Até R$ 7.507,49  

Sem acréscimo  

De R$ 7.507,50 a R$ 12.856,50  

0,5%  

De R$ 12.856,51 a R$ 25.712,99  

2,5% 

 

Nota: Aposentados e pensionistas do Ipresb que recebem abaixo do teto do INSS são isentos de contribuição previdenciária. 

A fim de que essa oneração não fosse maior, a Prefeitura Municipal de Barueri elevou a alíquota patronal para 21,99%. “Nossa estimativa é que a nova alíquota patronal nos traga mais R$ 2 milhões mensalmente e a patronal mais R$ 5 milhões”, prevê Larangeira. Vale lembrar que o objetivo dessas atualizações de alíquotas é zelar pela saúde financeira do Ipresb, o que garante a tranquilidade dos contribuintes. 

 

Sobre Redação

Leia também

Secretaria de Esportes de Barueri trabalha em prol da inclusão e do acolhimento

Com o aumento significativo do número de alunos com deficiência, autismo ou algum outro tipo …