Home / Barueri / Peprev orienta servidores municipais sobre direitos previdenciários e muito mais

Peprev orienta servidores municipais sobre direitos previdenciários e muito mais

Na manhã de quarta-feira, dia 16, o Ipresb (Instituto de Previdência Social de Barueri) organizou mais um encontro do Peprev (Programa de Educação Previdenciária) no auditório do Instituto. Vários servidores da Prefeitura de Barueri, da Câmara Municipal e também da Fieb (Fundação Instituto de Educação de Barueri) de várias faixas etárias e de diferentes históricos de contribuição compareceram. 

“Queremos que todos os servidores fiquem por dentro de todas essas informações previdenciárias ao longo da vida profissional e não somente quando estiverem próximos de se aposentar”, revela Carla de Matos Leorne, assistente social, uma das organizadoras do evento. 

Raimundo Nonato de Carvalho Júnior, presidente do Conselho de Administração, discorreu sobre a fundação e a função do Ipresb, composição da diretoria e dos Conselhos de Administração e Fiscal. Bruno Paiva de Oliveira Peres Silva, analista previdenciário, abordou as situações financeira e atuarial (que gerencia os riscos financeiros e econômicos e de outras ordens). 

Eliezer Antônio da Silva, membro nato do Comitê de Investimentos, elencou como o Ipresb administra os recursos oriundos das contribuições dos servidores da ativa. Na carteira de investimentos, constata-se que o Instituto investe mais de 75% dos R$ 2,7 bilhões que tem em caixa em títulos do tesouro nacional registrados na Selic. “Nossa expectativa é que chegaremos a R$ 3 bilhões antes do final do ano”, afirma ele. 

Suzana Fujita Hatori, chefe do Núcleo de Atendimento, contou com o apoio de Marcelo Rodrigues Larangeira, diretor de benefícios, para responder as dúvidas de muitos servidores em relação à tão sonhada aposentadoria, mesmo em profissionais que ainda estão muito distantes disto.  

Jônata Nascimento Santana da Silva, 29 anos, auxiliar de serviços gerais da Câmara Municipal, gostou das informações, apesar de ainda não ter planos de se aposentar. “Nem penso em aposentadoria. Tenho muitas coisas pra realizar ainda, mas é bom saber dos nossos direitos e deveres”, conta ele, que veio acompanhado de dois colegas de trabalho igualmente jovens. 

Sônia Nascimento da Silva, 52 anos, assessora de chefia na EMEF Profa. Suzete da Costa e Silva Mariano, por sua vez, está contando os anos. “Minha aposentadoria será somente em 2032, mas quando eu retornar à escola, todo mundo vai querer saber se tem novidades nas regras”, prevê. 

Percebe-se que a complexidade de cálculos exigidos pela última reforma previdenciária de 13/11/2019 causa muitas dúvidas nos servidores. Quase todos querem saber quando poderão se aposentar e, principalmente, qual será o valor do benefício. “Recomendo que as pessoas procurem fazer essa simulação quando estiverem próximas de cumprir todos os pré-requisitos porque o valor pode mudar na hora H”, revela Suzana. 

Acompanhamento 

Além do Peprev (dois encontros mensais), o Ipresb promove a educação previdenciária através do PPA (Programa de Preparação para a Aposentadoria – 13 encontros) duas vezes por ano. O Programa Pós-Aposentadoria é para que os ex-servidores se reencontrem para confraternização.  

Todo o cronograma de atividades, as informações sobre benefícios previdenciários e também o Informativo Ipresb (jornal trimestral) estão no portal. Através de seu Serviço Social, o Ipresb também adere a várias campanhas de saúde ao longo do ano.   

Próximos encontros do Peprev: 20/09, 18/10 e 29/11;  

Próximos encontros do PPA: de 24/08 a 30/11. 

Saiba mais acessando AQUI. 

Sobre Redação

Leia também

Secretaria de Esportes de Barueri trabalha em prol da inclusão e do acolhimento

Com o aumento significativo do número de alunos com deficiência, autismo ou algum outro tipo …