Home / Barueri / Show de Talentos celebra com entusiasmo os 15 anos do Parque da Maturidade

Show de Talentos celebra com entusiasmo os 15 anos do Parque da Maturidade

Um verdadeiro “Show de Talentos” marcou a tarde de quinta-feira, dia 18, no salão de festas do Parque da Maturidade, gerido pela Secretaria da Família de Barueri (Sefam). Muitos artistas da casa fizeram questão de subir ao palco para dar o seu recado. A maioria cantou sucessos novos e antigos da Música Popular Brasileira, mas também houve um solo instrumental e uma performance teatral baseada na música “Não Se Vá”, de Jane e Herondy.

Na abertura da festa quem se apresentou foi o grupo de coreografia do Parque da Maturidade, que tem 10 membros e ensaia duas vezes por semana. As músicas coreografadas foram Waka Waka (This Time for Africa), de Shakira, e Ilê Pérola Negra, de Daniela Mercury. O conjunto “Mistura Brasileira” também se apresentou cantando vários sucessos da música popular e sertaneja.

O encerramento ficou por conta da Velha Guarda da Escola de Samba Oba Oba, de Barueri, cujo diretor, Pedro Gonçalves, o “Pedrinho da Vila Porto”, também é frequentador do Parque da Maturidade.

“É a primeira vez que nos apresentamos aqui. Trouxemos uma pequena parte da escola”, contou ele. Ao som de sambas consagrados como “A Chuva Cai”, de Beth Carvalho; “Peguei um Ita no Norte” (Explode Coração), da Escola de Samba Salgueiro, e “É Hoje” (“Diga Espelho Meu”), da Escola União da Ilha, a pista ficou pequena para dar conta dos passistas e demais foliões.

Destaques

Ademar Costa, o “Dema”, 66 anos, caminhoneiro recém-aposentado, morador do Jardim Pindorama e frequentador do Parque da Maturidade há seis anos, pretendia tocar um samba no berimbau, mas se apresentou dando um solo de cuíca e esbanjou destreza mostrando vários passos de capoeira na pista. “Jogo futsal todas as semanas no meu bairro e faço parte da Escola de Samba Oba Oba. Adoro participar de eventos aqui no Parque”, confidenciou ele.

Maria Lourdes dos Santos, 76 anos, moradora do Parque dos Camargos há mais de 18 anos, cantou com muita propriedade a música “Filme Triste”, do Trio Esperança, com acompanhamento de uma colega, mas não ficou satisfeita. “Queria ter cantado um samba animado, mas não tive tempo de ensaiar”, lamentou. A despeito do glaucoma avançado, que a faz se locomover com dificuldade, ela frequenta o Parque há mais de 10 anos: “pratico ioga e estou todas as semanas na academia”, conclui.

Foi lindo

“Tivemos uma tarde muito agradável nesses 15 anos do Parque da Maturidade, quando os usuários puderam demonstrar seus talentos através de música, dança e poesia. Agradeço à Administração Municipal e a todos os colaboradores da Secretaria da Família pela realização de mais esse evento”, declarou Sílvio Macedo.

 

Crédito das fotos: Robinson Alvarenga/Secom e Ana Paula Silva/Sefam

Sobre Redação

Leia também

Secretaria de Esportes de Barueri trabalha em prol da inclusão e do acolhimento

Com o aumento significativo do número de alunos com deficiência, autismo ou algum outro tipo …