Home / Barueri / Professora da Educação participa da “Semana de Prevenção” com o tema surdocegueira

Professora da Educação participa da “Semana de Prevenção” com o tema surdocegueira

A surdocegueira foi o tema da palestra realizada pela professora mediadora da Secretaria de Educação de Barueri, Maria Aparecida Pereira de Castro, a Cidinha. Ela integrou a lista de convidados e mediadores da Semana de Prevenção às Deficiências, da SDPD (Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência).

O tema abordado pela educadora foi  “Atenção à surdocegueira: uma experiência na Educação”. Há cerca de vinte anos ela atua na implantação de ações educativas para o público com deficiência. Tabalha com surdez e é apta em surdocegueira.

Há seis meses Cidinha é professora mediadora da aluna da rede de ensino de Barueri, Pyetra Neves Souza, surdocega que estuda na Emef Raposo Tavares, no bairro Boa Vista. Os excelentes resultados do trabalho que a agente vem desenvolvendo com Pyetra está chamando a atenção dos familiares, professores e equipe gestora da Secretaria de Educação.

Desde o início do ano letivo, a estudante vem demonstrando grandes avanços no seu desenvolvimento, tanto na vida escolar como familiar, por conta do sistema de aprendizagem especial implantado nas aulas de braille tátil, rotinas diárias e com os exercícios que ajudam nas interações sociais.

Ao final da palestra, a mediadora respondeu várias perguntas do público e surpreendeu a plateia com um emocionante número de dança ao lado da aluna Pyetra.

De acordo com Liliane Buri, supervisora do departamento de Atendimento Educacional Especializado – AEE, o trabalho que a professora Cidinha está realizando é de fundamental importância para a Pyetra e sua família. “Percebemos o carinho, a atenção e principalmente o comprometimento da professora com a aluna. Entendemos que a inclusão está posta e que devemos respeitar e fazê-la acontecer todos os dias”, comentou.

Talita Nascimento, mãe da aluna Pyetra, também está entusiasmada com os avanços da estudante. “A cada dia, nos surpreendemos com a melhora na comunicação dela por intermédio dos sinais básicos. Nossa filha está se tornando uma criança mais tranquila e mais independente. Ela já realiza muitas atividades em casa e já tem opinião formada quanto ao que não gosta. Estamos muito felizes com o trabalho realizado pela professora Cidinha. Com esses resultados positivos só aumentam as esperanças e a percepção de que os obstáculos existem para serem superados”, disse.

Sobre rodrigo

Leia também

Santana de Parnaíba passa para fase amarela a partir do dia 13 de Julho

No último sábado (11/07), o Prefeito de Santana de Parnaíba Elvis Cezar realizou uma transmissão …