Home / Barueri / Fábio Zabumbão homenageia Dominguinhos e põe todo mundo pra dançar no Arraiá

Fábio Zabumbão homenageia Dominguinhos e põe todo mundo pra dançar no Arraiá

“Isso Aqui tá Bom Demais”, música de autoria de Dominguinhos, que fez muito sucesso cantada por ele e por Chico Buarque, foi uma das últimas músicas cantadas no show de Fábio Zabumbão nesta segunda-feira, dia 26, no Arraiá de Barueri. Mas as dezenas de casais não quiseram esperar e transformaram as imediações do palco num verdadeiro salão de festas.

Grande adepto do forró pé de serra, ele acrescenta instrumentos musicais que normalmente não se vê nas apresentações desse ritmo nordestino: tinha guitarra, baixo, agogô, pandeiro, cavaquinho e bateria. Destaque para os solos de guitarra em “Asa Branca” e de cavaquinho em “Tico-Tico no Fubá”.

Fábio Zabumbão já havia se apresentado na Praça das Artes por ocasião do 74º aniversário de Barueri, mas ele trouxe algumas inovações para essa ocasião. “Eu convidei um Lampião (Juarez Martins) e uma Maria Bonita (Ana Freire) para dançar no palco e também uma grande cantora do Nordeste”, contou ele.

A cantora de forró é Marlene Andrade, de Recife (PE), grande admiradora de Elba Ramalho a julgar pelo seu cabelo, pelas roupas e pelo repertório escolhido: “De Volta pro Aconchego”, “Gostoso Demais”, “Sanfona Sentida” e “Frevo Mulher”, que encerrou o espetáculo. “Meu padrinho Dominguinhos adorava fazer essa parceria com Elba”, recorda ele.

A intimidade vem do fato de ele ter sido parceiro do grande sanfoneiro reconhecido internacionalmente por seu talento. “Fui zabumbeiro na banda de Dominguinhos por 15 anos. Recebi dele a missão de continuar divulgando o forró e estou cumprindo as ordens do mestre”, afirma com orgulho.

Como não podia deixar de ser, Luiz Gonzaga, o rei do Baião, teve grande espaço no repertório de Fábio Zabumbão. Houve interpretações muito peculiares de “Respeita Januário”, “Olha pro Céu”, “Pagode Russo” e “Vida de Viajante”.

A abertura do show ficou por conta de Cardeal Rodrigues, cantor sertanejo, morador do Jardim Belval, e do DJ Tigrão, do Vale do Sol.

Sobre Redação

Leia também

Secretaria de Esportes de Barueri trabalha em prol da inclusão e do acolhimento

Com o aumento significativo do número de alunos com deficiência, autismo ou algum outro tipo …