Home / Barueri / Mais de 150 inscritos participam da pré-seletiva do Bolshoi no Teatro Municipal de Barueri e aluna do Núcleo de Dança é aprovada

Mais de 150 inscritos participam da pré-seletiva do Bolshoi no Teatro Municipal de Barueri e aluna do Núcleo de Dança é aprovada

O Teatro Municipal de Barueri viveu um dia histórico para o balé. O Bolshoi esteve na cidade no último domingo para fazer uma pré-seleção entre 158 inscritos que disputam uma bolsa de estudos na mais renomada escola de balé no mundo. Pela primeira vez a cidade recebeu a equipe da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, sediada em Joinville (SC), única filial do famoso Teatro Bolshoi da Rússia.

Durante todo o dia participaram 158 bailarinos de várias cidades de São Paulo como Araras, Campinas, Guarulhos, Itapecerica da Serra e Osasco, além de Barueri. A pré-seleção foi coordenada pela professora do Ballet Bolshoi há 15 anos Maria Antonieta Spadari e também pela bailarina Laís Lopes, além da produtora Rafaela Nassri.

Na terça-feira (dia 10), o Teatro Bolshoi no Brasil divulgou a lista de aprovados na pré-seleção e a bailarina Laura Mourão Fornasaro, aluna do Núcleo de Dança de Barueri é uma das selecionadas para a grande final que acontecerá de 19 a 21 de outubro no Bolshoi em Joinville.

Gisele Fornasaro, mãe da bailarina Laura, destacou: “Ficamos muito felizes com a aprovação da Laura, o sonho dela é entrar no Bolshoi. O Núcleo de Dança de Barueri é excelente. Além de outros professores, o Beka foi fundamental nessa conquista, cada dia minha filha aprende novidades e recebe muitas dicas de balé”.

O Bolshoi está no Brasil há 18 anos e forma bailarinos profissionais. A carga horária para os estudantes de balé é puxada: 4 horas por dia, de segunda a sexta-feira. A escola oferece 100% da bolsa, alimentação, saúde, uniforme e o Núcleo Social para auxiliar os alunos e familiares. A metodologia utilizada é a Vaganova, a mesma que os russos usam. Em Joinville os professores são russos ou brasileiros que se formaram na escola.

A produtora Rafaela Nassri disse que ficou muito feliz em receber crianças e adolescentes da região. “Vimos muitos talentos que podem ser desenvolvidos”, adiantou. Nassri contou que no Bolshoi 47% dos bailarinos são homens. Segundo ela, é muito importante ter homens no corpo de baile. “Algumas vezes precisa mais de homens do que de mulheres, por isso eles acabam tendo mais oportunidades”. Na pré-seletiva de Barueri, no entanto, teve somente dois participantes do sexo masculino.

A participante Julia Batista, de 11 anos, moradora do Jardim Belval disse que achou emocionante participar da seletiva e, apesar de nervosa, havia se preparado bastante.

“É uma honra enorme recebermos a delegação dessa renomada escola e ver de perto a qualidade do curso que é ministrado. Tudo isso faz parte do processo de fomentar a cultura na nossa cidade. Também é importante esse intercâmbio com o Bolshoi. É a Prefeitura de Barueri apoiando a arte e a cultura no Estado de São Paulo”, ressaltou Jean Gaspar, secretário de Cultura e Turismo.

No final da pré-seletiva os organizadores conversaram com as crianças e explicaram que o Bolshoi é apenas uma escola profissionalizante entre outras, e que se elas não conseguissem dessa vez, o importante é tentar muitas outras vezes e não desistir, se esse for realmente o sonho delas.

Sobre rodrigo

Leia também

Felix Bistrot comemora 21 anos e lança menu especial

Celebrando 21 anos, o restaurante Felix Bistrot lança um menu especial em comemoração à data. …