Home / Saúde / Segunda dose da vacina contra o HPV já está disponível nos Postos de Saúde

Segunda dose da vacina contra o HPV já está disponível nos Postos de Saúde

Jovens entre 9 e 11 anos, devem tomar a segunda dose.
Jovens entre 9 e 11 anos, devem tomar a segunda dose.

Jovens com idades entre 9 a 11 anos que já tomaram a primeira dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) devem procurar as unidades básicas de Barueri para receber a segunda dose.

A imunização com a 2ª dose começou no dia 1º de setembro, sendo necessária para garantir a proteção contra o HPV, vírus que pode causar câncer de colo do útero.

A aplicação é ministrada em três doses, sendo que a segunda aplicação deverá ser feita seis meses depois da primeira; e a terceira, cinco anos depois. População alvo prioritária da vacinação com a vacina HPV no ano de 2015 são as meninas na faixa etária entre 9 a 11 anos, e devido à baixa adesão à Campanha de 2014, também serão vacinadas as adolescentes de 12 e 13 anos de idade. Meninas e mulheres de 9 a 26 anos, 11 meses e 29 dias vivendo com HIV também recebem a dose.

Até 2016, o objetivo do Ministério da Saúde é imunizar 80% do total de 5,2 milhões de meninas de 9 a 13 anos no país.

HPV
O Papiloma Vírus Humano, ou HPV, é um vírus que vive na pele e nas mucosas dos seres humanos, tais como vulva, vagina, colo de útero e pênis. É uma infecção transmitida sexualmente (DST). A ausência de camisinha no ato sexual é a principal causa da transmissão.

Também é possível a transmissão do HPV de mãe para filho no momento do parto, devido ao trato genital materno estar infectado. Entretanto, somente um pequeno número de crianças desenvolve a papilomatose respiratória juvenil.

O HPV pode ser controlado, mas ainda não há cura contra o vírus. Quando não é tratado, torna-se a principal causa do desenvolvimento do Câncer de colo do útero e do Câncer de Garganta. 99% das mulheres que possuem Câncer de colo do útero foram infectadas por esse vírus.

A infecção pelo HPV é a principal responsável pelo câncer do colo de útero. A cada ano, no Brasil, surgem 15 mil novos casos e 5 mil mulheres morrem. Em 2011, 5.160 mulheres morreram em decorrência dessa doença, o terceiro câncer mais comum entre as brasileiras, atrás dos tumores de mama e colorretal. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), 290 milhões de mulheres no mundo têm HPV.

Secretaria de Comunicação Social

Sobre rodrigo

Leia também

Instituto de Atenção Básica e Avançada de Saúde, no Jardim Paulista, tem UBS 24 horas

A semana começou com uma importante entrega na área da saúde à população de Barueri. Na tarde …