Home / Barueri / Competição entre robôs incentiva desenvolvimento da tecnologia em Barueri

Competição entre robôs incentiva desenvolvimento da tecnologia em Barueri

No sábado (30 de novembro), das 8 às 17 horas, aconteceu o campeonato de robótica Barueri Robot Experience, no Parque Municipal Dom José. Realizado pelo Centro de Inovação e Tecnologia de Barueri (CIT), o evento contou com o apoio da Fieb e de escolas técnicas da região, além de empresas do setor. 

 

A ideia do campeonato foi aproximar estudantes e munícipes da robótica. O CIT já realiza um trabalho nesse sentido com o Espaço Maker, local em sua sede em que os alunos de escolas técnicas públicas de Barueri desenvolvem seus projetos. O órgão aproxima estes estudantes das empresas para inseri-los ao mercado de trabalho ou para que iniciem o próprio negócio, seja através de startups ou de pequenas empresas. 

 

A disputa apresentou vários desafios aos competidores, como as pistas com níveis de dificuldade onde os robôs, sem controle externo, deveriam executar os percursos com o menor número de falhas e no menor tempo. Outro desafio tratava de realizar o percurso com veículo controlado por tablet ou celular, devendo parar em um determinado trecho. 

 

Os visitantes também puderam acompanhar uma batalha entre robôs – um dispositivo deveria retirar o outro do círculo em que estavam -, partida de futebol entre os dispositivos eletrônicos e uma disputa entre duas maquinas em que uma deveria estourar a bexiga da outra. 

 

O administrador do CIT, Jonatas Randal, ressaltou que o evento aproximou as escolas técnicas da região como Senai, Fatec, Etec e Fieb. “Essas instituições são muito importantes e Barueri tem mais de 7 mil empresas de tecnologia com sede na cidade. Podemos transformar o município numa espécie de Vale do Silício”, comentou. 

 

A equipe Cyberzucas, de Campinas, venceu uma das modalidades e, para os integrantes, a competição estimulou a capacidade intelectual, como relatou Leo Rosseti Correia. “Robótica não é só diversão, também trabalha muito o cérebro. Uma programação pode ter 20 mil, 40 mil, 400 mil linhas. É uma coisa que desenvolve bastante a inteligência.” 

Sobre Hostmarx - Hospedagem e Desenvolvimento de Sites

Leia também

Zona Azul Digital começa a funcionar em caráter piloto em Barueri

Na quinta-feira (dia 25) entrou em operação a Zona Azul Digital em Barueri, tecnologia desenvolvida …